domingo, 26 de julho de 2009

Encontre sua órbita!

Muita gente tem procurado atualmente harmonizar-se e tornar-se mais saudável através de um trabalho conscientizado e equilibrado com o corpo. Expressão corporal, anti-ginástica, relaxamentos vários, tudo tem confessadamente, ou não, uma base nos milenares ensinamentos orientais.

Então é bom conhecermos logo a fonte original e, no meio dela, uma das formas mais equilibradas e completas – porque não visa só o corpo físico – está o Tai Chi. Ele vem ganhando vários adeptos, primeiro no Rio e São Paulo agora, há algum tempo, também em Belo Horizonte.

O Tai Chi nasceu a partir de Lao Tsé e nele, o movimento circular é essencial e tem uma razão de ser. Há séculos, os taoistas fizeram profundos treinamentos internos e externos, observando a natureza, os astros e planetas, os animais e o homem. Observar a natureza, seus movimentos e sons é uma das grandes capacidades do oriental que se dedica pacientemente à busca da sua essência divina e da energia cósmica.

Com eles nasceu o Yoga, a acupuntura, o Do-In, a Ikebana, o Kung-Fu, a ciência dos mantras e mil outras atividades internas e externas que dependem essencialmente da disciplina, paciência e concentração.

As águas, as árvores, os pássaros e animais, a terra, estrelas e planetas são livros gratuitos da mais profunda e completa revelação para aqueles que sabem observá-los.

A vida é movimento, tudo no universo se move em círculos e espirais. E os taoistas chegaram à conclusão de que um dos segredos da vida, da vitalidade e da saúde e rejuvenescimento é o movimento circular harmonioso. A Terra gira no espaço e sobre seu eixo, planetas, cometas, tudo tem sua órbita regular, tudo gira no grande universo.

O movimento é que mantém a vida do átomo ou do cosmo. Mas cada movimento tem as sua próprias leis. Sendo o homem uma miniatura do universo o importante é manter-se também em movimento sereno, harmonioso e regular.

--------//--------

Alternativas

Vias do Rádio – Acabo de ouvir, com alegria, um programa na Radio Globo, que é levado aos domingos de 9 às 10 horas. O tema é “Caminhos Alternativos”. Dia 08 de junho, falaram sobre as diversas formas de alimentação, até a ciência moderna e a espiritualidade.

Todos pareciam estar em paz, conscientizados da importância do equilíbrio, entre o corpo e a mente. Entre necessidades externas (ou impermanências) e as posturas éticas, vindas da alma e do espírito (e permanentes).

A descoberta da paz, a necessidade da postura ética de cada um e o respeito a todos. Também se falou na importância de cada um levar para o seu ambiente familiar e social um pouco de sua luz e da paz que já encontrou. Não somos perfeitos, mas podemos colaborar uns com os outros.

Por certo isso é o contrário do que visto pessoal ou coletivamente. Propagar as boas idéias, a luz e a paz interior de cada um, melhora o mundo todo.

Viver o momento presente impermanente, centrado na unidade da vida e do respeito a maneira de ser do outro eleva nossa consciência até a uma consciência superior.

Falaram também no atual estudo mais aprofundado da glândula pineal e sua importância na ligação corpo/mente.

Achamos nós que apesar do tumulto geral do mundo, muita gente está despertando para uma transformação. Especialmente a medicina em geral que penetra também o estudo das energias, eletricidade e magnetismos, antes desprezados. É o mundo novo dinamizando seu potencial.

Um escândalo!

Repórter bom é quem apura os fatos por inteiro. No recente domingo – 5 de julho – o Jornal “Estado de Minas”, onde trabalhei por vários anos, publicou no caderno feminino uma nota sobre a mudança dos maiôs da década de 40 para hoje. Sob o subtítulo “Um escândalo”, há a informação correta antes da inauguração do Minas Tênis, moças ou senhoras não utilizavam as piscinas; e, depois do Minas aberto, não havia biquínis, só maiô inteiro.

Num pequeno destaque da matéria há este trecho: “O traje de banho era similar para garotos e garotas. No Minas Tênis Clube, Célia Laborne Tavares fotografada de maiô para um jornal local (Diário da Tarde, hoje extinto) foi repreendida pela sociedade”.

Nem por um momento esclareceram que eu fazia parte do 1º time de natação do MTC e que a foto foi tirada no final de uma competição, quando eu e Ada – filha do treinador Carlitos de Campos Sobrinho – havíamos sido, numa das primeiras provas, as primeiras colocadas e ganhadoras de medalhas. Só fui “reprovada” no colégio de freiras onde ainda estudava, mas aplaudida pela sociedade que via despontar ali as primeiras nadadoras (e vencedoras) de Minas Gerais. Pesquisar os fatos sempre é importante no bom jornalismo.

-------//-------

Contatos

Imagens que curam – Foi recentemente lançado o livro “Imagens que curam”- que são práticas de visualização para a saúde física e mental, ensinando a terapia de diversos distúrbios e reequilibrando o todo. O autor é o psiquiatra norte-americano Gerald Epstein que explica como funciona o poder das imagens. Lançamento da Ed. Àgora (R$49,90).

Cultura Racional – A televisão tem apresentado nas manhãs de domingo um programa sobre a Cultura Racional que é difundida através do livro “Universo em Desencanto”. Informações (31)2444-0054. O tema é a evolução do físico para o mental e agora para o racional; segundo a crença do grupo.

Pilates – Já estão abertas as inscrições para o novo curso de instrutores de Pilates que terá início dia 21 de agosto. Informações (31)3281-6141.

Visitação – A Igreja N.S. de Lourdes tem um especial grupo de visitadores e ministras da eucaristia que percorrem o bairro, orando, informando ou levando a eucaristia para os doente. Convidam para as orações ante o Santíssimo que são feitas todas as quinta-feiras às 13:30 h e o resto da tarde. A Igreja fica lotada. Cada um que passa faz o seu tempo oportuno de adoração. Informações (31)3218-7676.

Yogananda – A jornalista Ana Elizabeth Diniz publicou no domingo (21/06) um excelente artigo sobre o Swuamiji Yogananda, ioga nascido na Índia e preparado para ensinar no Ocidente a Yoga. Morou nos Estados Unidos, escreveu vários livros, entre eles “Autobiografia de um Yogue”, “Como ser Feliz o tempo todo”, e muitos outros. Ana Elizabeth publica toda terça-feira, no jornal “O Tempo” um artigo esotérico, sempre muito interessante.

Um comentário:

Julia disse...

celia, sucesso...
eu já encontrei minha órbita, ou estou a caminho, melhor dizendo. estudo os livros UNIVERSO EM DESNCANTO de cultura racional.
legal, td d bom,viu...